“O ferro e o metal será o teu calçado; e a tua força será como os teus dias.” (Dt 33:25 ARC1995)

Aqui há duas coisas preparadas para o peregrino: calçado e força.

Quanto ao calçado: é muito necessário para viajar por caminhos acidentados e para pisar inimigos mortais. Não andaremos descalços – isto não seria conveniente para príncipes de sangue real. O nosso calçado não será absolutamente do tipo comum, porque terá solas de metal durável, que não se desgastarão até mesmo se a viagem for com grande extensão e difícil. Teremos proteção que será proporcionada às necessidades do caminho e da batalha. Portanto, prossigamos a nossa marcha com ousadia, não temendo mal algum, ainda que pisemos serpentes, ou ponhamos os nossos pés sobre o próprio Dragão.

Quanto à força: a nossa força continuará enquanto os nossos dias se prolongarem, e será proporcional à pressão e à carga desses dias. As palavras são poucas, ‘e a tua força será como os teus dias’, mas o significado é completo. Neste dia podemos esperar provações e trabalho(s) que requererão energia, contudo, com igual confiança, podemos esperar uma força equivalente. Esta palavra dada a Aser, é nos dada também, se tivermos fé para dela nos apropriarmos. Atuemos em conformidade com a santa intrepidez que deve ser gerada por esta promessa no coração do crente.

C. H. Spurgeon

Faith’s Checkbook

www.spurgeon.org 

Livro de Cheques do Banco da Fé 

Tradução de Carlos Antônio da Rocha

http://no-caminhodejesus.blogspot.com/